Câmara do Livro Câmara do Livro no Facebook
   

25.09.2014
Assembleia reúne associados da CRL em Porto Alegre

Os associados da Câmara do Livro do Rio-Grande do Sul participaram de Assembleia Geral no último dia 23, no Auditório Romildo Bolzan do Tribunal de Contas do Estado do Rio Grande do Sul, em Porto Alegre. Entre as pautas do dia, o sorteio da localização das bancas dos expositores – um compromisso com a igualdade de condições dos participantes firmado no estatuto da entidade – e a apresentação das normas, estrutura e programação da 60ª edição da Feira do Livro de Porto Alegre.

Ao abrir a sessão, Marco Cena, presidente da CRL, ressaltou que este ano, em função da Copa do Mundo e da realização de eleições, pode ser considerado atípico. “Desejo a todos vocês boa sorte, não apenas agora no sorteio, mas na Feira do Livro. Que vocês tenham a sorte que esta diretoria tem tido”, afirmou Cena, mencionando os desafios enfrentados – e superados – pela organização do evento e o comprometimento dos membros, que atuam de forma voluntária na diretoria.

O presidente fez um agradecimento aos patrocinadores e apoiadores da 60ª edição, assim como aos veículos de radiodifusão e impressos com quem foram firmadas parcerias. “Neste ano, a novidade é que vamos ter o espaço Software Livre, com rádio e TV, e transmissão ao vivo pela internet durante a Feira toda”, anunciou.

Infraestrutura

Formada por Janar Cardoso, Eduardo Bergallo e Maximiliano Bordon Ledur, a Comissão de Infraestrutura iniciou as apresentações. Na conversa, Janar repassou informações como horários de funcionamento  e cronograma pré-Feira, assim como as regras gerais para os expositores, como as normas de segurança e de reposição de livros nos estandes ao longo do evento. Todas as questões abordadas estão presentes no Manual dos Expositores, encaminhado previamente aos participantes. A novidade para os feirantes – e também público em geral – é que as sessões de autógrafos das áreas Geral e Infantil e Juvenil ocorrerão no mesmo espaço, a Praça de Autógrafos.

Na sequência, orientações sobre a utilização de sistemas de cartões de crédito e débito por parte dos expositores, assim como esclarecimentos de dúvidas referentes ao Vale-Cultura foram repassadas aos associados por Vitor Zandomeneghi, do Conselho Fiscal. Gilmar Cassol, representante dos livreiros, apresentou um levantamento específico das operadoras mais atuantes no Rio Grande do Sul que será disponibilizado para consulta na área restrita para os associados.

O incentivo foi tratado neste ano pelo presidente Marco Cena e pelo secretário da Cultura do Estado, Luiz Antonio de Assis Brasil, em audiência com a ministra da Cultura, Martha Suplicy, em Brasília. Juntamente com o ministro responsável pela pasta da Educação, Martha Suplicy é aguardada na solenidade de abertura do evento literário.

Em seguida, os investimentos em comunicação foram abordados por Astomiro Romais, secretário da CRL e responsável pela área na Comissão-Executiva da Feira do Livro. “A diretoria da Câmara, nas primeiras ações que empreendeu, tem posto muito a questão da comunicação, porque sabe que o tempo em que nós vivemos é o tempo da visibilidade em que ser é ser visto”, afirmou.

Diretora executiva da CRL e coordenadora da programação para o público adulto, Jussara Haubert Rodrigues, apresentou em primeira mão aos associados o conceito da campanha desenvolvida pela Agência Matriz para a 60ª Feira do Livro, que, em breve, será divulgado ao público em geral. Representantes das empresas responsáveis pela assessoria de imprensa (Camejo) e pela comunicação digital (LPcom) também fizeram uma rápida apresentação aos presentes.

A responsável pelo Balcão de Informações nesta edição, Nóia Kern, falou sobre a sua área e ressaltou o trabalho que vem sendo feito junto aos expositores para municiar a equipe com dados importantes, a exemplo das temáticas dos livros a serem comercializados nos estandes e dos que participarão das sessões de autógrafos.

Programação

Coordenadora da programação para adultos, Jussara Rodrigues falou sobre a importância dos associados na composição das atividades da Área Geral. “As programações dos livreiros gaúchos este ano estão bastante fortes e interessantes”, revelou. “É um belo desafio tomarmos pela sexagésima vez a Praça com uma programação que seja consistente”, disse a executiva, reafirmando que o propósito permanente é divulgar a produção cultural e o mercado editorial do Rio Grande do Sul.

Jussara apresentou os destaques e as novidades desta edição, que serão divulgadas ao público em breve, destacando a presença de grandes nomes do cenário literário nacional e internacional e a parceria com os espaços culturais situados no entorno da Praça da Alfândega. Ela ressaltou as participações da Polônia, que contará com um dia especial na programação e do Canadá, o país homenageado desta edição. Neste último, reforçou que, além dos autores que participarão da programação, a comitiva também contará com editores e representantes do governo e de instituições culturais, o que pode gerar futuras oportunidades de negócios entre gaúchos e canadenses.

Na sequência, foi a vez de Sônia Zanchetta, da Comissão Executiva da Feira e responsável pela coordenação da Área Infantil e Juvenil, pelo ciclo A Hora do Educador e pela Área Internacional apresentar as novidades desta edição. Na Área Internacional, os destaques são a mudança de local – nesta edição ficará em frente ao Margs – e a retomada da Sala das Nações, na qual os expositores poderão realizar eventos para receber embaixadores e autores, além de atividades para o público como aulas abertas de idiomas.

Em função das obras de revitalização no Cais do Porto, novamente a Área Infantil e Juvenil ficará localizada na Avenida Sepúlveda, que receberá os espaços com atividades para alunos da educação infantil, estudantes do ensino fundamental e do médio, assim como da Educação de Jovens e Adultos (EJA) e educadores. Na 60ª Feira do Livro, 90 autores participarão da programação. A coordenadora comemorou o incremento do número de expositores, que passou de nove, em 2013, para 14.

Também falou sobre os programas de leitura desenvolvidos pela CRL e parceiros ao longo do ano e sobre as ações que vem sendo promovidas para a formação de mediadores de leitura. “Nós temos dois objetivos centrais: um é a formação de leitores de literatura. Por isso, trabalhamos o ano todo com as redes municipal e estadual de ensino, através dos programas Adote um Escritor e Lendo pra Valer, que já tem muitos anos, o Adote é de 2002, o Lendo de 2007”, explicou. “O outro é a formação e a qualificação para os mediadores de leitura. Nós tivemos neste ano, assim como nos anteriores, inúmeras atividades que começaram em março com um curso de quatro meses e que já está na quinta edição, que é o Tessituras. É um curso de extensão promovido com a UFRGS que reúne representantes de municípios que já têm ou querem criar programas de leitura. Neste ano, foram 90 pessoas de 17 municípios. Isso tem um efeito multiplicador fabuloso. A cada ano temos mais programas e projetos sérios no Estado”, exemplificou.

Outras iniciativas promovidas pela CRL e parceiros foram a formação para professores que pretendem levar seus alunos à Traçando Histórias – Mostra de Ilustração Infantil e Juvenil, que neste ano chega à 9ª edição, e para educadores responsáveis por acompanhar suas turmas em encontros com autores e ilustradores na Feira do Livro.

Expectativas

Eduardo Luizelli, da Livraria Aurora, falou sobre as expectativas para a 60ª Feira do Livro. “Eu sou o único fundador da Feira do Livro que continua e viemos desde a primeira até hoje. Acho que cada Feira que vem, tem sido melhor do que a anterior. Continuo acreditando que vai ser um sucesso.”

Seu pai, Sétimo Luizelli, participou da primeira edição em 1955, representando editoras do Rio de Janeiro. Em 1956, já tendo criado a Livraria Aurora, integrou a segunda Feira. Desde então, a livraria esteve em todas as edições. Em 1994, em um patronato múltiplo que homenageou os livreiros fundadores, Sétimo – juntamente com Nelson Boeck, Edgardo Xavier e Mario de Almeida Lima – recebeu o título de patrono.

Com 42 anos de Feira, somando o período em que trabalhou para a Livraria do Globo e a Editora Mercado Aberto e fundou, em 1990, a Ler & Saber Cia. do Livro, Zigomar Feijó compartilha da opinião. “A cada ano, a Feira fica mais envolvente, as pessoas vão aderindo cada vez mais. A expectativa para este ano é muito boa”, afirmou.

Encerramento

Na segunda parte da Assembleia, ocorreram a tomada de contas da diretoria – os relatórios contábeis estão disponíveis na área restrita do site da entidade – e a avaliação dos pedidos de troca de categoria associativa. Por fim, foi realizado o sorteio de localização das barracas para a 60ª Feira do Livro.

Confirma mais imagens da assembleia na galeria de fotos, clicando aqui.


Assembleia reúne associados da CRL em Porto Alegre


Assembleia reúne associados da CRL em Porto Alegre


Presidente Marco Cena na Assembleia dos associados da CRL.

voltar

 



Associado, navegue por nossa área restrita e tenha acesso a conteúdos exclusivos.

Instituidores e colaboradores,
solicite aqui o seu crachá.


digite seu e-mail

digite sua senha

Esqueceu sua senha?
Ainda não está cadastrado?


De 1º a 18 de novembro de 2018



Câmara Rio-Grandense do Livro
Praça Osvaldo Cruz, 15 Conj. 1708 / 1709
CEP 90030-160 Porto Alegre, RS - Brasil
Fone/FAX (51) 3286. 4517
Fale Conosco Créditos